Receita Federal analisa as informações de redes sociais

Você sabia que a Receita Federal, por meio do Ministério da Fazenda, conta com vários modelos deinteligência artificial que analisam as informações divulgadas pelos contribuintes nas redes sociais? Pois é, o órgão fiscaliza todas as suas viagens, compras e até confissões feitas publicamente nas plataformas Facebook, Instagram, LinkedIn e Youtube.

Uma simples foto, publicada sem grandes intenções, pode comprovar que você não contou a verdadeira história na hora de declarar os seus bens. A partir dessa tecnologia, também é possível buscarpatrimônios de quem está devendo, com o objetivo de verificar quais deles podem ser penhorados para pagar possíveis dívidas.

Inclusive, estima-se que a estratégia já tenha contribuído com subsídios para o lançamento ou atribuição de responsabilidade tributária a mais de 2 mil contribuintes, com valor sonegado na ordem de R$ 1 bilhão. Portanto, é imprescindível a ajuda de uma contabilidade de confiança que oriente sobre a coerência entre o que é declarado e o que é postado.

Fique atento

Os auditores fiscais exploram diversas situações. Usando um grafo de pesquisas, eles identificam os amigos que o contribuinte se relaciona, o que facilita a localização de laranjas e transferências. Também são levadas em consideração as viagens caras e as festas onde o organizador fatura milhões sem ter uma renda compatível. Cuidado para não causar nenhum mal entendido e tenha responsabilidade na hora de declarar os seus bens.

 

 

Voltar á pagina anterior